Páginas

às

Deus e o Inferno - Parte 3: Deus não é a Hello Kitty

(1 comentários)
Deus e o Inferno - Parte 3: Deus não é a Hello Kitty


DEUS NÃO É A HELLO KITTY

Um deus cuja misericórdia fosse tal como uma forma de paixão ou de emoção que excedesse a sua própria justiça não poderia ser plenamente misericordioso e nem plenamente justo, e a misericórdia se tornaria na verdade um defeito que lhe impossibilitaria de cumprir aquilo que é correto. Deus não é assim. O verdadeiro e vivo Deus não está fraco ou incoerente diante de um “amor” que o impede de ser juiz daquilo que Ele criou. Deus não é a Hello Kitty.